Em voga

Calma cara, ela só tá Menstruada.

30.10.16

Menstruação post photoshoot empoderamento feminino girl power feminismo periods fotógrafa Rupi Kaur

Foto por Rupi Kaur 

Menstruação, um assunto tão tabu e escondido nessa sociedade falocêntrica que a simples palavra já é evitada seja na escrita, seja na pronúncia, “estamos naqueles dias”, “alerta vermelho” e “vai vir pra mim” são alguns dos apelidos dados à menstruação. Por isso, eu a ginecologista JS da página Ginecologista Sincera e algumas amigas resolvemos explicar certinho tudo o que você homem precisa saber quando estamos menstruadas.

Primeiro: não é algo de outro planeta e não vamos morrer, calma

  • Sabe quando você se corta e sai sangue? Então você chupa o sangue e já enrola um papel ou um pano para que ele pare de sangrar? Então! É o mesmo sangue, e você já viu algo de nojento em sangue? Se já, bom, isso é estranho. Desde a primeira menstruação somos ensinadas a esconder ao máximo esse período, a nem mesmo deixar que os outros vejam a embalagem de absorventes. A menstruação é vista como algo ruim e indigno de ser comentado, como se tudo que fosse relacionado a “mulher” e “vagina” fosse algo sujo e na maioria das vezes sexualizado.

Se você fugiu das aulas de biologia a ginecologista explica – JS

  • Menstruamos para que o endométrio que não foi usado para nutrir o hipotético feto possa ser eliminado. E no mês posterior outro óvulo e outro endométrio venha ocupar seus lugares em nosso útero. Dessa forma a vida se renova – pois o que poderia ter sido gerado não foi, e, portanto é descartado, possibilitando que talvez uma vida seja gerada no próximo mês. Isso é bem bonito mas na prática ela incomoda grande parte das mulheres (nem todas, vale lembrar que algumas amam menstruar, se sentem mais bonitas e até com mais tesão) pois em nenhum mundo as mulheres têm filhos todo mês, certo? Por conter elementos nutritivos próprios do sangue, ele é muito bom para adubar a terra e por isso algumas mulheres o reutilizam em suas plantas –aiii que nojo sangue!– Bom, se pra você é ok esterco mas não é ok sangue então é necessário uma desconstrução ai. O sangue da menstruação é exatamente igual ao sangue que espirra no MMA – no máximo, um pouco mais proteico se conter restos de endométrio. O uso do sangue como um espécie de adubo está ligado mais ao valor energético desse sangue. Pela medicina chinesa, perder líquido é uma forma de perder energia; por ser um líquido repleto de energia, seria mais poderoso do que a água. Também é uma forma de enterrar energeticamente e deixar que a terra transforme tudo de “ruim” que a mulher quer se livrar, em algo “bom”. Importante lembrar também que quem usa pílula na verdade não menstrua, pois inibe o eixo e não ocorre o ciclo menstrual, logo ocorre um sangramento – uma privação hormonal, artificial e desnecessária. Porém do ponto de vista energético, ter essa perda sanguínea talvez seja necessária para perder a energia que ela precisaria perder – e que não conseguiu por outros meios como: atividade física, sexo, manifestação artística… Já com o anticoncepcional Mirena, há uma menstruação na maioria, só que muito menor, isso porque o hormônio do Mirena (que está dentro do útero) faz uma atrofia no proliferamento do endométrio (endométrio se prolifera pela ação do estrogênio na primeira fase do ciclo, a fase folicular para se preparar para receber um óvulo fecundado) isso por causa da ação do levonorgestrel. Mas a maioria das pacientes vai ovular na presença do Mirena (principalmente após o primeiro ano). Depois de um tempo com o Mirena ela vai ovular, fazer o ciclo menstrual e ter uma menstruação ou não (dependendo da capacidade do levonorgestrel inibir a proliferação do endométrio ou não). Sobre a TPM: tem pesquisas que dizem que as alterações de humor podem acontecer sem ter algo a ver com a ciclo menstrual – ou seja, não é uma verdade absoluta. Para o sagrado feminino, na frase proliferativa (predomínio de estrogênio) é a nossa fase de expansão – quando estamos mais alegres, mais receptivas, com mais tesão, mais curiosas, mais falantes – e depois da ovulação, quando predomina a progesterona seria a fase de introspecção, recolhimento, isolamento, reflexão, sobre a própria vida, reflexão sobre os caminhos. O ginecologista Eliezer Berenstein no seu livro A inteligência hormonal da mulher explica que, por termos essa oscilação, (sobe estrogênio, desce estrogênio, sobre progesterona, desce progesterona) a gente seria mais adaptável, mais multi tarefa, teríamos mais capacidade de reagir; diferente do homem em que a testosterona é por toda a vida. E o anticoncepcional tiraria essa capacidade da mulher, então por isso talvez ele está tão associado a uma alteração negativa de humor – falta de libido, depressão, suicídio entre outros.

Coletor menstrual: uma alternativa – Laura Nolasco 

  • Você já parou pra pensar em quantos absorventes uma mulher gasta durante sua vida? Vamos supor que ela menstrue dos 12 aos 50 anos – são 38 anos menstruando uma vez por mês, ou seja, 456 ciclos. Em média, a menstruação dura entre 3 e 7 dias… Se supormos que em cada um desses 456 meses ela passar 5 dias menstruada, são 2.280 dias. Seguindo os conselhos das embalagens de absorvente, que nos orienta a trocar o absorvente cada 8 horas, são 9.120 absorventes durante toda a vida. Quanto lixo é isso? Quanto dinheiro não será gasto? Pensando nisso e em seu conforto, muitas mulheres tem optado pelo coletor menstrual: um copinho de silicone medicinal que é inserido no canal vaginal, coleta o sangue e, se devidamente higienizado, pode durar até 10 anos! E não adianta ficar com nojinho não: além de muito mais confortável, ecológico e barato, o coletor é super higiênico pois dentro dele o sangue não tem contato com o ar, evitando a proliferação de bacterias. “Mas o coletor não vai alargar a mulher?” NÃO! O coletor é maleável e o canal vaginal é “elástico” (lembra que é por ali que os bebês passam?), essa ideia de que a mulher “alarga” já é bastante antiga e machista, né? Leia mais sobre como funciona o coletor aqui e aqui

Existem N’s absorventes e são muito diferentes.

  • Então não se admire se passarmos horas na frente das prateleiras de absorvente procurando o ideal. Sem contar que também usamos tipos diferentes para dias diferentes, por exemplo, um diário com abas quando está no comecinho, um mais grosso (com abas também, lógico) para o dia, um noturno para a noite (porque acredite, quando acordarmos vai ser uma corrida digna de filme até o banheiro) e por fim, o diário mais fininho para o fim. Como sabemos quando é o fim e o começo e quando vamos precisar de cada um? Bom, nós procuramos entender nosso corpo, e depois de tantos anos de amizade de nós conosco mesmas é evidente que vamos saber né?

Nós queremos abraços, chocolate (ou doces ou comer muito, enfim…), dormir e fica na cama ainda mais se estivermos com dor.

  • Uma vez vi uma conversa de WhatsApp super bonitinha do namorado/marido levando chocolate pra namorara/esposa e ainda perguntando se ela precisaria de algum remédio pra dor ou mais absorvente. Nesse dias nós estamos com dor, muita dor (próximo à dor do parto em algumas vezes) então se você puder ser 1 zilhão de vezes mais fofinho (solícito) que o normal, nós iremos agradecer – nada absurdo de se pedir para quem diz nos amar, certo?

Como fazer para amenizar a dor da menstruação? Isis Tomie Iga 

  • Uma massagem é muito bem-vinda ou uma bolsa de água quente para aliviar as cólicas (cobertores também podem ajudar). E que tal você sugerir a prática de exercícios? Calma lá, não é sair correndo uma meia-maratona, podem ser exercícios mais leves, para liberar endorfina e aliviar as dores ou até mesmo exercícios próprios para o útero, como por exemplo, o pompoarismo. O pompoarismo inicial diz sobre contrair e expandir o músculo do útero, dessa forma, ao estimular o útero, é possível diminuir as cólicas e até mesmo eliminá-las. O exemplo dessa contração é de quando começa a fazer xixi e tenta segurar antes de sair totalmente. (Pompoarismo tem outros benefícios além desses, dê uma olhada no google aqui ;) ).

Nem todas sentem cólicas, então, nós vamos querer sexo sim! E se você tem nojinho do sangue mas não tem nojinho do seu sêmen, você precisa repensar algumas coisas… – Isis Tomie Iga

  • Na verdade, esse tópico é mais para quando o cara tem N ideias loucas para a transa, mas na hora do sexo na menstruação ele foge tal qual o demônio da cruz. Portanto, esse tópico varia de casal para casal; mesmo porquê nem sempre gostamos de sexo nesses dias então é melhor conversar. Vai fazer sujeira? Com certeza, mas nada que um banho depois não resolva ou se a preguiça estiver grande, coloque uma toalha por baixo, ou a mulher fica por baixo, existem várias formas, só testar. E não, não vai parecer que você assassinou umas 10 pessoas no filme de XXX. Se a ideia da sujeira te acanha, que tal um sexo oral? A mulher pode estar com o copinho ou absorvente interno, então, nada de sangue “espirrando” em você. (Super recomendo rs). Outra opção é transar no banho, mas vai gastar muita água, né não?! (Consumo consciente, gente!). PS: sempre se previnam, transar na menstruação pode engravidar também, viu?!

Menstruação de quem usa pílula anticoncepcional x DIU de cobre x DIU de hormônio. – Isis Tomie Iga

  • É comum que as mulheres que usam a pílula anticoncepcional tenham um ciclo bem regulado, além de vir bem poucos dias ou quase nada. O mesmo acontece quem usa o DIU de hormônio (Mirena, por exemplo). E tem mulheres que nem chegam a menstruar. Porém, isso não ocorre com o DIU de cobre, que é livre de hormônios. Com o DIU de cobre, o corpo da mulher terá seu ciclo normalizado. Não terá dia “certo” para descer, nós vamos descobrir aos poucos, e só marcando para saber se o ciclo é mais curto ou mais longo. A diferença estará na quantidade de sangue que virá, o que eu notei, por exemplo, foi a viscosidade/textura do sangue bem diferenciada de quando usava pílula, além de ter aumentado o fluxo consideravelmente (antes trocava o copinho de 8 em 8 horas nos períodos intensos, e tive que diminuir para 4 em 4 horas). Mas como citado, vai variar de corpo para corpo.

Dor de cabeça não é frescura – Aline Callai

  • Muitas de nós sofremos muito com dores de cabeça fortíssimas durante o período menstrual, e pré menstrual também. Isso se chama cefaleia e incomoda muito, é uma dor de cabeça chata, em cima dos olhos e não passa de uma hora pra outra geralmente só com muito remédio para passar. Muitas vezes ela vem acompanhada de inchaço nos seios, nas pernas e em outras partes do corpo. É desconfortável e nós encaramos tudo isso como algo que faz parte do nosso cotidiano, afinal, não vai acontecer só uma vez, meio que temos que nos acostumar com isso. Dito isso, dor de cabeça não é desculpa ou frescura não! É um distúrbio e precisa de tratamento. Além disso, algumas mulheres que tem a doença enxaqueca percebem uma piora no período menstrual, outras percebem no período de sangramento do intervalo do anticoncepcional, entretanto, essas precisam rever a contracepção porque enxaqueca e anticoncepcional quase sempre não combinam. É interessante frisar que, as mulheres que usam anticoncepcional combinado (com estrógeno) e apresentam enxaqueca precisam rever o anticoncepcional – já que esta é uma reação anormal neste caso.

Podemos ter uma fome de leão ou um enjoo básico Thami Sgalbiero

  • Os efeitos da menstruação é diferente de mulher para mulher. Não fique achando que só porque a namorada do seu amigo é tranquila quando tá menstruada, que a sua tem que ser também. É diferente! Tem vezes que eu fico com uma fome que vem não sei da onde e saio comendo TUDO que vejo pela frente, principalmente coisas que engordam (que são as coisas gostosas) tipo chocolate, pizza, pipoca, salgadinho e por aí vai. Mas tem vezes que eu fico enjoada e não consigo nem sentir cheiro de comida NENHUMA. É coisa de louco? Sim, pode ser, mas acontece né? A gente se acostuma e lida como pode.

Dá inchaço sim! Então, calma, ela não engordou de um dia pro outro! Thami Sgalbiero 

  • Como já foi dito, depende, vai de mulher para mulher. Tem mulheres que ficam inchadas no período da menstruação, outras que ficam inchadas no período pré-menstrual e tem outras (leia-se: sortudas) que não ficam inchadas. Mês passado cometi o erro de comprar uma calça jeans quando estava nesse período lindo. Resultado? Comprei a calça um número maior que o meu normal, porque foi a única que serviu na hora sem ficar apertada, agora ela fica caindo e eu preciso ficar usando cinto pra “prender” ela na cintura. AH! O inchaço nem sempre é só na barriga, tá? Tem vezes que a mulher fica inchada nas pernas, pé, braços e etc, depende muito. Já fiquei com as pernas inchadas também e era uma dor levantar da cama pra ir em algum lugar, porque eu sentia as pernas pesando, mas nada de ficar parada! Dizem que quando você está menstruada, se exercitar faz bem pra aliviar a cólica. Eu já testei isso e funciona.

Cada mês é uma surpresinha Thami Sgalbiero 

  • A mulher não sabe se vai ficar inchada ou não, se vai ter cólica ou não, se vai ter enjoo ou não. Isso depende muito. Então, cada vez é uma reação diferente. Eu baixei o aplicativo Clue e nele tem isso de você anotar se o fluxo tá alto, médio ou baixo, anotar o humor ou o que você tá com vontade de fazer. Tem vezes que me dá vontade de sair dançando por aí, me exercitando e ficando em atividade constante. Mas tem vezes que só me dá vontade de ficar deitada na cama, comendo chocolate ou brigadeiro, assistindo a um filme ou série J Cada mês é uma surpresinha e isso que é legal, você não sabe o que tá por vir, pode se sentir ótima ou se sentir um lixo. Por via das dúvidas, nesse período de menstruação, nos trate como princesas sim, faça esse esforço. Porque se a gente estiver mal, ficamos melhor, e se a gente tiver bem, nos sentimos melhor ainda. Fica a dica ;)

Anticoncepcionais: por que os homens têm que fazer parte disso?Danielle Jorge

  • Vocês já se sentiram como se tivessem que tomar as dores da menstruação sozinhas? Ter que decidir qual anticoncepcional tomar, além do martírio de ter que ir com cólica comprar um remédio que acabou e você nem se deu conta? Sim, já me senti várias vezes assim e decidi que não queria mais sofrer sozinha. Por isso incluí meu namorado na minha rotina quando estou menstruada e o fiz entender que menstruação não é um monstro de 7 cabeças e que nem sempre (ou melhor, quase nunca) estou estressada por causa dos hormônios! Mas eu ainda acho que os homens têm que entender que os hormônios podem sim causar alterações no nosso organismo, incluindo o nosso humor, e o mais interessante é que isso não é causado só pela TPM, mas também pelo uso de anticoncepcionais. Basta pesquisar por uma bula que você irá ver os inúmeros efeitos colaterais que o uso desse remédio pode causar, e em grande parte a alteração de humor está presente neles. Além disso tem o problema da falta de libido. Os homens às vezes entendem como desinteresse em sexo e isso ocasiona várias discussões na relação quando, na verdade, é o remédio agindo. Fora que ficamos sempre com várias dúvidas na cabeça. O remédio está fazendo efeito? Realmente estou protegida? Por isso acho tão importante que nosso parceiro esteja a par da nossa menstruação. Talvez ele não consiga processar toda a informação que você levou anos para aprender na prática, mas com certeza ele começará a entender melhor você e sua menstruação :)

Se você gostou desse post, vai gostar de conhecer mais um pouco as meninas que participaram e seus respectivos blogs. A Menina da Janela, Isis Tomie ( e Elefante Voador), No Mundo da Lua, Like Paradise, Buongiorno Danielle e visite também a página incrível da JS, a Ginecologista Sincera.

Os Meus 13 Porquês| Podem acreditar numa garota viva?
Como as bonecas Barbie influenciaram a imagem que eu tenho do meu corpo.
Desculpa, mas não dá pra ser um “Feliz Dia” das Mulheres

:D :-) :( :o 8O :? 8) :lol: :x :P :oops: :cry: :evil: :twisted: :roll: :wink: :!: :?: :idea: :arrow: :| :mrgreen:
  • Janaine bagatini Em 30 . 10 . 2016

    Que texto incrível, cara! Essa coisa de chamar menstruação de “aqueles dias” é uma coisa que me irrita demais, sério! Por isso eu falo pra todo mundo que to menstruada, não tô nem aí se é homem ou mulher. Hahaha tem que desconstruir isso aí mesmo!

    Um beijo <3

  • Samira Em 30 . 10 . 2016

    Né?? Eu tô passando por uma “desacostumação” eu chamar a menstruação de “tô naqueles dias” e fico com raiva de mim quando esse terminho tosco escapa.

  • gabriela Dahmer Coitinho Em 30 . 10 . 2016

    Eu simplesmente AMEI, e não consigo encontrar palavra melhor para descrever do que maravilhoso. Esse post está incrível. Sabe, até alguns anos atrás eu ia na farmácia e ficava morreeeendo de vergonha de aparecer o pacote de absorvente na sacola plástica, até metia para dentro da bolsa, para que ninguém visse. Mas o tempo foi passando e eu nem fui ligando.

    Sou daquelas que menstruava mais de 7 dias no mês e era super desregulada, as vezes não descia por 2 meses, outras descia 2 vezes no mesmo mês. Sem contar que minhas cólicas sempre foram daquelas de desmaiar (eu juro! e é horrível). Aí comecei a tomar anticoncepcional e muita coisa melhorou, porém as cólicas persistem. Mas devo dar graças a Deus, pois tenho poucos sintomas desse período.

    Ah, eu sou daquelas que sente mais tesão nesse período é um saco quando o parceiro não se sente bem em fazer sexo nesses dias.

    Beijos,
    Blog Gaby DahmerFanpageInstagramTwitter

  • Samira Em 30 . 10 . 2016

    Poxa Gabi somos muito parecidas então! Eu também ficava vermelha/roxa em ir comprar absorvente (junto com a minha vó!) ela gritava qual eu queria e precisava ahaha agora eu nem ligo pode falar a vontade e eu também falo. Ah e sou super desregulada e menstruo muito também (um saco, odeio) mas pelo menos aprendi a me senti melhor com esse assunto e a valorizá-lo ♥

  • Aline Callai Em 30 . 10 . 2016

    Que incrível que ficou o post! Nossa amei! Isso do inchaço acontece demais comigo, fico me sentindo enorme (já sou gordinha) e achei legal saber que as enxaquecas não são normais, vou ter que ir ao médico ver isso!
    Queria ver se os homens tivessem tudo isso todo mês hahaha
    Adorei contribuir para o post *-*
    Beijos

  • Samira Em 30 . 10 . 2016

    Nossa nem me fale, não iam durar nem um dia ahaha. É então, lembrei-me de você quando ela falou sobre a enxaqueca e da Dani também que tem ;/

  • Maíra Em 30 . 10 . 2016

    Que post maravilhoso! sim, precisamos falar sobre isso, com certeza <3
    adorei todas as perguntas e respostas, tirou várias dúvidas que eu tinha e com certeza fez eu concordar com várias coisas que eu já pensava!

    eu já nem ligo sobre menstruação, é normal e precisa ser normal!
    adorei a iniciativa do texto!
    vou ver os blogs lindos <3

  • Samira Em 30 . 10 . 2016

    Yeyy, isso mesmo ♥ ah e as meninas são todas uns amores, vai gostar!

  • Fran Oliveira Em 30 . 10 . 2016

    Uau, esse texto é excelente! Infelizmente vivemos em uma sociedade com diversos tabus quando o assunto é menstruação. Até mesmo é roda de amigas, acabar saindo “estou naqueles dias”, por pior que seja, até nós mulheres temos esse tabu. Precisamos muito falar sobre esse assunto e desconstruir muitos paradigmas.
    Beijos,
    http://www.dosedeilusao.com

  • Samira Em 30 . 10 . 2016

    Infelizmente acho que é até mais forte entre as minas mesmo :( Mas vamos que vamos desconstruindo ;)

  • LUANA BRAZ Em 30 . 10 . 2016

    MULHER, quero te colocar num potinho, sério! QUE POST MARAVILHOOOOOOOOOOOOOOOOOOSO. A sociedade ensinou direitinho a tornar a menstruação um tabu né? Mas fico feliz demais em ver que o empoderamento que corre nas nossas veias está virando o jogo. Esse post é sensacional por isso, resgata a conexão com o nosso corpo. Menstruação não é coisa de outro mundo é algo natural e faz parte de nós, então, porque não amar nossos ciclos? Quero mostrar esse post para todo mundo, lindo <3

  • Samira Em 30 . 10 . 2016

    Que amorzinhaa, eu também fiquei encantada com teu post sobre a escola de princesas e tive que compartilhar -ele é muito incrível! Ah e muito obrigada, a gente deveria ter se conhecido antes pra você participar desse post também! ♥

  • Amanda Moresco Em 30 . 10 . 2016

    Guria, quando estou menstruada não quero chocolate, abraço nada. Eu quero é antes, na TPM, que eu estou MUITO estressada, como tudo pela frente, fico carente e o escambal hahaha

    Muito bom esse post, ele realmente resume tudo o que não só homens, mas também mulheres, precisam saber e se dar conta.

    Lindo blog, sucesso!

  • Samira Em 30 . 10 . 2016

    Te entendo, as vezes eu sou assim haha mas na maioria das vezes ou eu tô ultra carente ou ultra sensível – ou os dois kkkk. E verdade né, as vezes muitas mulheres não conhecem o próprio corpo :/ e não prestam atenção nele para resolver os problemas que a menstruação traz junto, como cólica, mudança de uma humor entre tantos!

  • Entre Anas Em 30 . 10 . 2016

    Esse post é sensacional! haha A gente precisa parar de ver a menstruação como um grande tabu, parar de ter vergonha de falar que tá com cólica, de comprar absorvente e os caras precisam parar de usar tpm como desculpa pra silenciar mulher, por exemplo! E, às vezes, as próprias mulheres tem dúvidas e vergonha de solucioná-las. Muito bom mesmo <3

  • liz Em 30 . 10 . 2016

    em primeiro lugar: eu AMO teu layout e vou protege-lo, haha. Miga, esse é, de longe, um dos melhores posts que eu já li. tuuuudo o que eu quero falar e explicar, tá escrito aqui. sério, arrasou

  • Samira Em 30 . 10 . 2016

    Liz lindaa, obrigada mozão! ♥