Posts da categoria "Outros"
Outros

Como foi meu 1º ano na faculdade de Letras #1

30.01.17

Como foi meu primeiro ano na faculdade de Letras na USP

Bom, pra começo de conversa, se você está lendo esse post, muito provavelmente você é um calouro (bixo) da Letras e está atrás de informações sobre esse novo mundo. Para saber o comecinho, ou seja, o dia da matrícula na USP e como começou minha nova vida, leia esse post . Pois nesse aqui vou tentar explicar mais ou menos como funciona a faculdade, mais especificamente a Letras, e como eu lidei com isso.


Não sei você, mas eu quando estava na escola usava um material didático próprio desenvolvido pelo sistema da escola – no caso, o Poliedro – e pelo que me lembro, apenas uma vez usei livros que não fossem todos do mesmo sistema. Então na minha cabeça vazia de adolescente da escola eu já mirabolava alguma apostila muito louca da USP – mas eu sabia que não seria assim, lógico. Então pensei que nós teríamos de comprar muitos livros, pois afinal foi isso que eu sempre tinha ouvido: “faculdade de Letras lê-se muito, você vai amar”. Então ok, já pedia clemência aos céus e perdão de meus pecadinhos em falar pra minha avó que, além de todo o dinheiro gasto com escola a vida toda a gente ainda ia ter de comprar inúmeros livros! Mas ainda bem, não foi isso que aconteceu… Eis então, a grande verdade, não usamos livros, usamos o famigerados xeróx – uma obra prima da humanidade que te acompanhará do início ao fim e te fará perder muitos “dinheiros” que iriam pra coxinha. Isso descobri pelo grupo do Facebook (a cada ano eles fazem um grupo novo da Letras para os calouros – mas todos os veteranos acabam entrando também e o grupo do ano anterior fica esquecido – então já te aconselho, clica ai e entra no nosso grupo, ou se você é de outra faculdade, procura ele no Face e já pede pra entrar – isso vai te ajudar muito!

Outra coisa interessantíssima (e que me rendeu vários “nossa que folga” ou “nossa que curso fácil” ou “que moleza essa USP!) foi: você terá apenas 4 matérias; sendo elas: Introdução aos Estudos Literários (IEL), Introdução aos Estudos Clássicos (IEC), Introdução aos Estudos da Língua Portuguesa (IELP) e finalmente, Introdução à Linguistica (IL ou Linguística mesmo). Cê tá perdido? Não fique, vou explicar tudo tim tim por tim tim.

Primeiro: Literários (apelido carinhoso pra IEL). No primeiro semestre eu passei a odiar literatura com todas as minhas forças (e olha que minha motivação principal para a faculdade sempre foi a literatura) isso porquê o professor que eu “cai” não me agradava nem um pouco; me dava sono (e olha que é difícil eu tem sono em aula), me dava tédio, náuseas e vontade de morrer. Mas no fim, depois de muita luta contra o ventilador e contra ao lixo (ele não gostava do ventilador e nem do lixo) conseguimos sobreviver, eu, com 8 graças ao que aprendi na escola. Em IEL você vai aprender os fundamentos da literatura, ou prosa ou poesia, e são coisas bem básicas para quem já gosta dessa área – rimas, verso, figuras de linguagem e outras coisinhas (eu tive poesia no 1º semestre e prosa (conto) no segundo. No segundo semestre eu fui muito feliz nessa matéria, aprendi muita coisa com uma professora incrível (calouros, podem vir pedir o nome dessa linda e vão todos correndo com ela ♥), ela era maravilhosa e sinto muita saudades das aulas dela. Ela trabalhou conto e começou a falar de romance, e eu nunca imaginaria que conto poderia ser tão fantástico (olha o trocadilho hehe) e mágico.

Informação importante: no primeiro semestre você não escolhe seus professores e nem no primeiro semestre da habilitação (já vou explicar) então corre o risco de você cair com alguém famoso pela chatice ou com alguém muito famoso pela perfeição, é apenas uma questão de sorte.

IEC: Já nessa matéria eu tive a grande felicidade de no primeiro semestre cair com uma professora disputadíssima e conhecida, que ensinava muito bem e era um anjo de pessoa (ainda por cima engraçada e vegana). Mas no segundo o Júpiter mostrou sua verdadeira face cruel e me jogou com uma professora que não tinha uma fama muito boa e bom, isso deixemos para outra conversa. Nessa disciplina, no primeiro semestre, vimos e lemos (eu comprei mas ainda não li) Ilíada, Odisseia e Eneida. E no segundo vimos (acho) teatro grego e mais algumas coisas como Comédia e Tragédia. É uma parte bem gostosa pra quem gosta dessa parte antiga e é bem interessante (as Comédias são realmente engraçadas, acreditem) e mais legal ainda é trabalhar o pensamento da sociedade da época e contrastar com o atual.

Outro fato importante sobre as matrículas nas aulas (que são distribuídas pelo sistema Jupiter Lucifer ) é que mesmo quando você pode escolher os professores (como no segundo semestre ou do quarto em diante) você pode não conseguir o professor que você quer. Isso porquê o sistema tem um critério (sombrio e louco) de seleção; alguns dizem que é pela nota da Fuvest, outros que é pela média ponderada, outro que é por ordem de matrícula na aula e outros ainda que é obra do The mo (sendo ou não, sabemos que o sistema é Lúcifer então não seria de se espantar né?)

IELP: Pensem numa matérias gostosinha e leve, IELP será. Quase todo mundo não gosta (mas minha vó sempre disse que eu não sou todo mundo e eu sou do contra, sempre amei botânica enquanto todos odiavam) mas eu acho uma delícia! No primeiro semestre tive aula com uma dupla ótima, eles eram muito organizados e metódicos e o trabalho final eu escolhi fazer sobre preconceito linguístico ♥. No segundo semestre também consegui um professor muito bom, também muito organizado e pasmem, super engraçado e fofo! Aqui vocês vão aprender a história do português e suas transformações e também todos os nomes (diferentões) para cada detalhezinho de cada texto. Asseguro-lhe que é bem interessante e fácil, porém um pouco trabalhoso.

Linguística: Essa é uma matéria linda que estuda as relações entre o que está escrito o significado, ou significante e significado ;) e mais algumas muitas coisinhas (que irei aprender este ano na habilitação). Consegui no segundo semestre pegar o mesmo professor do primeiro e ele era muito bom, na verdade acho que um dos melhores, e explicava muito bem.


  • Quanto a livros

Nos aconselharam a comprar 2 livros que são como apostilinhas da Linguística; o Introdução à Linguística 1 e 2  E foram de fato muito úteis pois cada capítulo foi escrito por um professor da Lx e eles gostam bastante desse livro e costumam usar bastante, além disso, eles têm exercícios muito bons no final – e ajuda a treinar pra prova. Outros livros que comprei foram Illíada, Odisseia e Eneida, e alguns da Cosac & Naify ,fora alguns outros que encontrei no “sebo” da letras e alguns na editora da FFLCH, a Humanitas. Então assim, imprescindível são os xérox, mas a maioria deles você ou encontra na internet ou o professor disponibiliza online – mandando por e-mail para os alunos ou através da plataforma Moodle Stoa. O Moodle vai ser um grande aliado seu, nele os professores que o usarem, colocam todas as datas de provas e trabalhos, todas as leituras e sugestões e ainda podem mandar mensagens para todos – muito útil para quando eles precisam faltar por conta de algum congresso ou evento do gênero.

Uma coisa interessante e que senti falta foi: aqui não é mais o ensino médio, não tem sinal pra tocar. E isso me deixou meio desnorteada pois no começo eu era bem avoadinha e distraída (como você bem sabem, com a mudança eu evolui muito e acho que finalmente, adulteci) mas ai é só você seguir a movimentação que vai acontecendo e ir seguindo até a sala – ou ficar nela caso você esteja preso em algum livro muito bom.

Na Letras tem uma lanchonete bem boa, as pessoas são bem legais e gentis – e até esquentam minha marmita no microondas deles hehe. Outra coisa importante de saberem é o CAELL (Centro Acadêmico de Estudos Literários e Linguísticos) – a gestão atual é a Viramundo que teve umas propostas muito boas e ganhou merecidamente♥eles cuidam de toda a organização da calourada por exemplo e resolvem eventuais problemas que possamos ter com a faculdade, nos ajudam e nos orientam.


Bom, esse é o primeiro post da série “Calouros Letras USP” e espero que tenham gostado! Vou postar mais coisas e explicações sobre a faculdade, então se você não vai fazer esse curso continua comigo pois vou falar sobre coisas que toda faculdade tem, você vai gostar!

Carta de Hogwarts DIY – Como Envelhecer Papel
Finalmente uma heroína para nos representar: Mulher Maravilha
Presentes de Última Hora pra Você – VOCÊ MESMO – que “Esqueceu” do Dia dos Namorados
Outros

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR

25.01.17

Não adianta, São Paulo é bem diferente do interior – e eu senti cada diferença muito bem quando me mudei pra lá. Tem coisas que só tem em SP, algumas que pra mim eram enormes absurdos. Confira as 15 maiores diferenças (na minha opinião) entre a Terra da Garoa e o interiorzão.

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR

 

  • Esquerda livre? Que?

Na primeira vez que andei de metrô e uma colega me ensinou a me movimentar por lá eu achei tudo muito louco – como assim só posso andar pela direita? Aqui no interior não tem esse negócio não, vai todo mundo pro mesmo lado e se bobear vai um em cima do outro mesmo.15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR

  • Bobeou já está perdido

Aqui em Piracicaba, eu sempre digo, se eu pegar a rua tal, andar uns 2 quarteirões eu chego no lugar tal; se eu pegar a avenida X e virar 2 quadras já estou em outro lugar que eu conheço. Já em SP, você andou dois passinhos longe da sua rota costumeira e nem sabe mais em que universo está. Olha pro horizonte e só vê coisa desconhecida, nunca vai poder usar aquele método “ótimo” de localização – ahh, tal rua é aquela que tem uma casa roxa na esquina, sabe?

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR
  • Tem gente que vai se oferecer pra segurar sua mochila, e isso é perfeitamente normal

Quando vi isso eu não sabia se ficava mais espantada, assustada ou contente. Acho bem interessante esse ato de solidariedade (ainda mais se a pessoa que está de pé na sua frente dentro do metrô está visivelmente cansada e precisando de ajuda) mas na ocasião que isso aconteceu comigo eu tinha acabado de ceder meu lugar pra uma moça grávida (beeem grávida, não cabia nada no colo dela além da barriga) e ela me perguntou se podia carregar minha mochila (de uns 20kg) – eu me senti super mal e ofendida porquê afinal, eu não dei meu lugar esperando algo em troca e além do mais, pobre moça já tava carregando uma criança ainda ia carregar meus tijolos da faculdade?! Também acho essa história bem louca porquê eu – pessoalmente – não gosto que gente desconhecida fique com as minhas coisas (quando roubaram meu celular parecia que tinham me roubado um pé, me senti super invadida). Mas quando são amigos e fazem essa gentileza eu acho bem legal – nesse ponto já me acostumei.

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR
  • Tem/tinha grafiti em cada mísero canto

Como vocês bem sabem pelo meu Instagram eu amo grafites e acho que já fotografei todos daqui de Piracicaba (ou quase todos hehe) então imaginem minha alegria doida quando viu que em meio às pichações sem sentido também tem arte? Minha vontade sempre que saio é sair tirando foto de tudo!

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR
  • Você nunca viu tanto pedinte junto

Claro que aqui tem, infelizmente, mas a gente sabe que eles têm ajuda de igrejas e de restaurantes (pra comer). Mas em SP a população das ruas é uma coisa absurdamente louca pra mim, eu fico imensamente triste com esse fato ainda mais em saber que não temos uma garantia de que todos recebem alguma ajuda.

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR - Blog Dezoito em Ponto
  • O frio é uma coisa doida quando vem (e quando não vem é um sol de morrer)

Nunca vi um tempo conseguir ser tão bipolar! Nas minhas primeiras semanas eu não sabia que essa mudança na temperatura era tão brusca, então lógico que passei frio! Agora já aprendi, no mínimo um cardigã tem de estar na bolsa – mesmo que esteja um sol digno de fritar.

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR
  • Na boa que tá chovendo de novo?

Outra coisa interessante quanto ao clima bipolar é: a cidade realmente faz jus ao nome “Terra da Garoa”. Quando inventa de chover chove toda hora, em um minuto tá mó sol, no outro já ta tudo inundando.

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR - Blog Dezoito em Ponto
  • “meu” e “mano” são constantes da fala

Pior que isso é chegar pra sogra e tratar ela por “mano” e falar “meu” pra chamar a vó – sim, eu já fiz isso. Simplesmente essas duas palavrinhas não conseguem sair da minha fala enquanto eu estou morando lá a semana toda.

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR - Blog Dezoito em Ponto
  • Barulho é tão normal que ninguém repara mais

Sorte minha que eu durmo como pedra – já minha avó por exemplo não sobreviveria – tem barulho a noite toda, helicóptero, avião, caminhão, gente berrando, música em plena 6 de manhã e vários outros ruídos absurdos. Pra mim isso é bem notável porque no interior em moro numa rua muito quieta mesmo – mesmo porquê só tem 3 casas na rua hehe.

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR - Blog Dezoito em Ponto
  • O significado de “longe” nunca foi tão absurdo

Meu amigo Gabriel sempre fala que algo é “perto” sendo que pra chegar no referido lugar é necessário andar meia hora e pegar dois ônibus. Fico realmente assustada quando ele diz que determinado lugar é “longe” pois significa que é realmente onde judas perdeu as calças.

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR - Blog Dezoito em Ponto

foto: my dress code

  • Cê não é tartaruga pra andar com a mochila pra trás

Essa regra de mochila na frente é no transporte público (seja ele qual for) mas é sempre bom andar assim em ruas como a 25 de março… Eu nunca tinha visto isso antes de SP!

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR - Blog Dezoito em Ponto
  • Tem vendedor em todo canto

Porque raios eles adoram aquelas frases toscas? Sempre tem alguém vendendo fone de ouvido na linha azul (aff). E o que dizer dos vendedores da 25 que já chegam pra cima de você? Aqui ninguém vende nada nos ônibus e na rua só tem (quando tem) uns hippies vendendo miçangas.

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR - Blog Dezoito em Ponto
  • Aqui a gente só tem shopping, mas em SP tem coisa pra você fazer até morrer

Restaurantes incríveis, museus, shows de graça, ruas interessantes, boates… E a gente aqui indo pro shop.

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR - Blog Dezoito em Ponto
  • Todo mundo tá sempre correndo e você acaba indo junto

Se você não apressa o passo vai ser esmagado e depois de tanto correr você vai começar a se apressar até quando não está com pressa (eu sempre)

15 diferenças que todo mundo sente entre São Paulo e o interioR - Blog Dezoito em Ponto

Elidio Bar
Mercado Municipal
File de frango

  • Lanche pode substituir o almoço – inclusive diarimente

Nunca ouvi tanto “ah eu como um lanche na rua”, o povo parece que tem uma certa relutância em não almoçar comida.


E você? Quais diferenças você nota entre SP e o interior? E se você gostou desse post não se esqueça de ler também: Lugares incríveis para conhecer na Avenida Paulista  e os outros posts da tag “São Paulo”

Carta de Hogwarts DIY – Como Envelhecer Papel
Finalmente uma heroína para nos representar: Mulher Maravilha
Presentes de Última Hora pra Você – VOCÊ MESMO – que “Esqueceu” do Dia dos Namorados
Outros

Pesquisa de Público – Blog Dezoito em Ponto

24.01.17

Pesquisa de Público - Blog Dezoito em Ponto, aprenda a fazer uma pesquisa de público através do Formulário do Google

Se você ama o Blog Dezoito em Ponto, que tal responder umas perguntinhas bem rapidinhas sobre ele? E você ainda pode dar sua opinião sobre o conteúdo e sobre mim. Críticas construtivas, sugestões, elogios pra sair da bad, enfim, são muito bem vindos! Além disso, a pesquisa vai me ajudar a finalmente confeccionar um midia kit decente pro Dezoito então por favor, sejam verdadeiros ein? Até agora estou amando as respostas, já posso adiantar que estou colocando muita coisa em prática, coisas que vocês sugeriram e espero que fique bom ♥

Para quem tem dúvida em como fazer uma pesquisa de público eu ensino, é rapidinho.

  • 1. Clique nesse link Formulários Google 
  • 2. “Ir para o Formulários Google”
  • 3. Depois vá em “start a new form” e crie o seu!
  • Não se esqueça de alterar no ladinho se você quer que a resposta seja dissertativa ou de múltipla escolha, e ainda, se você deseja que a pessoa possa selecionar mais que uma resposta.

Imagem: Amando Blogs

Carta de Hogwarts DIY – Como Envelhecer Papel
Finalmente uma heroína para nos representar: Mulher Maravilha
Presentes de Última Hora pra Você – VOCÊ MESMO – que “Esqueceu” do Dia dos Namorados
Filmes/Séries Outros

Resenha e crítica| Moana – Um Mar de Aventuras – empoderamento e representatividade

09.01.17

Resenha e crítica| Moana - Um Mar de Aventuras. Empoderamento, família, representatividade e diversidade. A nova princesa da Disney se nega a esse título e se mostra a heroína que as meninas de hoje em dia precisavam.

Com o mundo se transformando, e ideais de empoderamento feminino finalmente ganhando corpo e voz, é de se imaginar que tais avanços chegariam aos cinemas – mas o que talvez não imaginássemos, era a tamanha força com que eles atingiriam as animações da Disney. Os filmes da empresa – principalmente as afetam diretamente as meninas (retratando princesas) – acabam tendo a função de formadoras de valores e de ideais. Portanto, a mudança nos paradigmas embutidos às costumeiras princesas Disney, acabam por mudar (assim esperamos) pouco a pouco, a mentalidade da nossa sociedade. De certa forma, a empresa já tinha avançado em animações como “Mulan” (1998) e “Valente” (2012), mas foi apenas em 2017 com o filme Moana – Um Mar de Aventuras que os estereótipos de princesa puderam finalmente se renovar. Moana, nega seu título de princesa, afirmando ser apenas a filha do líder de sua tribo, também não há nenhuma referência à príncipe ou a par amoroso – sendo o amor mais perfeitamente representado por sua ligação com a vó, sua tribo e com o restante de sua família.

Filme: Moana - Um Mar de Aventuras
Direção: Ron Clements e
John Musker
Duração: 1h53m
Genero: Musical e aventura
Classificacao:
Sinopse: Moana Waialiki é uma corajosa jovem, filha do chefe de uma tribo na Oceania, vinda de uma longa linhagem de navegadores. Querendo descobrir mais sobre seu passado e ajudar a família, ela resolve partir em busca de seus ancestrais, habitantes de uma ilha mítica que ninguém sabe onde é. Acompanhada pelo lendário semideus Maui, Moana começa sua jornada em mar aberto, onde enfrenta terríveis criaturas marinhas e descobre histórias do submundo.


“Desde pequena ela foi a escolhida pelo Mar para restaurar o equilíbrio da natureza e salvar seu povo Motu Nui, da destruição. Para isso ela precisa encontrar o semideus Maui e levá-lo até a ilha onde ele roubara o coração da deusa Te Fiti e assim, cessar a onda de destruição que vem assolando a Polinésia. Mais do que a jornada de uma jovem heroína, a história traz uma mensagem mais ousada. A de uma jovem que decide a própria vida mesmo quando o pai tenta impedir; que é destemida mesmo com o medo que seu povo tem do mar e que é a responsável por levar o semideus até a deusa (mais ativa impossível), enfim, Moana é maior representação de girl power e de empoderamento que podemos enfim, ofertar às meninas de hoje em dia (eu ouvi um amém?)

“Você é uma princesa. É a filha do ‘rei’ e tem um animalzinho, é uma princesa” – Maui

Leia mais

Carta de Hogwarts DIY – Como Envelhecer Papel
Finalmente uma heroína para nos representar: Mulher Maravilha
Presentes de Última Hora pra Você – VOCÊ MESMO – que “Esqueceu” do Dia dos Namorados
Outros

Metras, planos e sonhos para 2017

28.12.16
Metas, planos e sonhos para 2017 - Blog Dezoito em Ponto | por: Samira Oliveira

Com o ano novo  tocando a campainha da nossa vida, a gente olha pelo olho mágico e consegue identificar o que ele traz: esperança, mais sonhos, energia, animação, bons pensamentos e pedidos de paz. Para que eu não me esqueça de todos os planos que esse ano está levando no coração, resolvi fazer esse post – juntamente com algumas amigas do grupo Bloginspira lá do Facebook. Vou ir atualizando essa lista assim que eu for batendo as metas, e vocês pode ir acompanhando meu progresso salvando esse post nos seus favoritos da internet, que tal? ♥

Para o Blog Dezoito em Ponto

  • Postar de 2 a 3 posts por semana.
  • Começar a padronizar a imagem em destaque do post
  • Aprender a mexer no photoshop (já consegui fazer uma imagem semana passada e essa hoje do post :-))
  • Fazer um mídia kit para o Blog
  • Usar com mais frequência o SnapGram
  • Ter 5k de seguidores no Instagram
  • Ter 5k de curtidas na Fan Page 
  • Postar diariamente no Instagram e na Fan Page (diarimante no Instagram ;) )
  • Firmar mais parcerias para o Blog (por enquanto parcerias com as editoras mais lindas da vida, veja os banners ao lado! E com a Magic Color e outras parcerias mais básicas <3)
  • Tirar do papel meus projetos de coluna mensal no Blog
  • Fazer mais posts focados no feminismo
  • Postar mais resenhas
  • Postar sobre jóias (o primeiro post da categoria é esse aqui: Pandora versus Vivara)
  • Postar mais textos autorais (Dois textos para o “Em Voga“)
  • Lembrar de responder todos os e-mails
  • Arrumar a barra preta daqui do blog (essa que tá la em cima, precisa de outras coisas do lado de “home” né?)
  • Fazer posts de Look do Dia
  • Fazer mais ensaios temáticos (como o da Valente)
  • Visitar blogs amigos e conhecer blogs novos ao menos 2 vezes por semana

Para a minha saúde mental, espiritual e física

  • Me exercitar ao menos 1 vez por semana
  • Não comer tanta massa e doces
  • Voltar a praticar meditação e a estudar sobre energias
  • Conversar com Deus mais vezes – e não apenas quando eu preciso de ajuda
  • Fazer alongamentos
  • Endireitar a coluna sempre que eu estiver sentando errada. Andar com a postura correta.
  • Fazer um Planner ou finalmente manter uma agenda (to firme e forte no Bullet Journal!)
  • Fazer ao menos 5 cronogramas capilares (1/5) com produtos da Magic Color
  • Passar manteiga de cacau todos os dias antes de dormir e várias vezes ao longo do dia
  • Passar hidratante corporal todos os dias
  • Passar protetor solar todos os dias antes de sair de casa
  • Cortar as pontinhas do cabelo mais vezes
  • Lembrar de pingar remédio nos olhos todos os dias antes de dormir
  • Ficar menos tempo no Facebook procrastinando
  • Começar e manter um diário em inglês
  • Encontrar uma boa ginecologista
  • Arrumar meus dentes que desalinharam novamente

Relacionamento com amigos, família e namorado

  • Conhecer todos os pontos turísticos de São Paulo
  • Sair mais com os amigos
  • Fazer maratona de filmes com a Jacque ou apenas encontrar coisas legais para fazermos juntas.
  • Fazer programas legais com a minha vó
  • Ter mais paciência com os meus primos e brincar mais com eles
  • Lembrar de mandar mensagem com alguma surpresa pro Du todos os dias
  • Ser uma namorada melhor e fazer alguma coisa pra ajudar o Du a não desistir da medicina
  • Ter um grupo de amigos pra lembrar pro resto da vida
  • Manter minhas amizades de 2016
  • Sair mais com as amigas de Piracicaba
  • Responder todas as mensagens do Messenger assim que recebê-las
  • Encontrar com amigas que conheci na internet (encontrei amigas lindas nesse evento)

Para me divertir e engrandecer meu conhecimento e cultura

  •  Ler ao menos 3 livros por mês apenas por diversão e que não sejam para a faculdade (0/36)
  • Aprender bordado livre e bordado de ponto cruz
  • Fazer mais artes para as DIYs daqui do Blog
  • Ir pelo menos 5 vezes ao teatro (0/5)
  • Ir no mínimo em 8 apresentações culturais (0/8)
  • Assistir no mínimo a 50 filmes (3/50)
  • Por em dia minhas séries e assistir outras assim que lançar novos episódios: Once Upon a Time, Jéssica Jones, Doctor House, Pretty Little Liars, Game of Thrones, 3%, Stranger Things, Shadowhunters. Começar séries novas: Friends, Doctor Who, The OA…
  • Ler todos os meus livros que estão esperando desde 2012
  • Começar a fazer aula de francês
  • Praticar palavras novas do inglês e estudar mais.
  • Deixar as lições do inglês em dia
  • Começar a fazer aula de alemão
  • Conhecer no mínimo 10 lugares diferentes de São Paulo (0/10)
  • Ler jornal pelo menos  1 vez por semana
  • Ler sites de notícias em inglês – pelo menos 1 vez por semana
  • Ir à Bienal do Livro de São Paulo
  • Ir à eventos de blogueiras
  • Conhecer minhas blogueiras/ youtubers preferidas (Jout Jout e Bruna Vieira principalmente)

Para a faculdade e trabalho

  • Começar a Iniciação Científica
  • Começar a trabalhar em algum projeto da USP
  • Arrumar meu perfil no Linkedin
  • Estudar Tupi até aprender tudo do 1º ano
  • Fazer resumos semanais das matérias da faculdade
  • Ter todas as leituras da faculdade em dia
  • Ler no mínimo 1 livro inteiro da faculdade por mês (0/12)
  • Se conseguir pegar as matérias do árabe, estudar até conseguir escrever algo e falar um pouco
  • Fazer um curriculum lattes
  • Aumentar minha ponderada de 8.2 para 8.7

Decoração, compras e outros planos pessoais

  • Terminar de decorar meu quarto {Veja todos os planos para a decoração do meu cantinho}
  • Fazer uma horta no apartamento
  • Fazer um jardim na sacada
  • Comprar mais Funkos Pop
  • Comprar roupas que tenham mais meu estilo – e encontrar um estilo que combine comigo
  • Lembrar de guardar dinheiro para o intercâmbio
  • Manter meu home office organizado
  • Doar sangue
  • Comprar mais livros
  • Começar e terminar meu livro: Sociedade das Sereias: Reinado de Moana  e tirar do papel todos os meus planos para ele. (JÁ COMEÇEI! <3)
  • Reformar o livro Meu Presente é a Lua e mandá-lo pelo correio para as editoras
  • Fazer minha 1º tatuagem
  • Fazer o segundo furo na orelha direita e colocar mais um piercing (os outros fecharam)

E você? Quais seus maiores planos, metas e sonhos para esse ano que vem correndo até nós? Conta pra mim, algo da minha lista está na sua também? Aliás, para pra conferir como foi meu 2016, clique aqui 

Carta de Hogwarts DIY – Como Envelhecer Papel
Finalmente uma heroína para nos representar: Mulher Maravilha
Presentes de Última Hora pra Você – VOCÊ MESMO – que “Esqueceu” do Dia dos Namorados
Página 5 de 8
12345678