Decoração DIY

DIY Organizador de Acessórios!

04.12.16
DIY Do It Yourself organizador de colares, guardar colares, organizar jóias e bijuterias,, porta jóia,, organizar colares e acessórios, porta anel anéis, porta pulseira, guardar pulseiras. faça você mesmo, tutorial

Quem tem muitas bijuterias e/ou jóias e é loucas por elas como eu, sempre esbarra na dificuldade em organizá-las. Já faz tempinho que eu fiz um post sobre Idéias de Decoração para o Quarto Novo e entre móveis coloridos, nichos de prateleiras e quadrinhos decorativos, lá estava o dito cujo: o organizador de acessórios. Ou mais conhecido como: o salvador das loucas por acessórios! ♥ Depois de muito pensar em como fazê-lo – já que a ideia inicial havia sido a de usar uma moldura grande de gesso (mas iria encarecer muito a obra e ainda não era nem um pouco prática) eis que aparece a solução. Depois de entrar em uma loja de artesanato e revirar a loja toda, tive a grande ideia – com a ajuda da minha amiga Cláudia (arteira) de usarmos essa bandeja de café da manhã – já que o que procurávamos (uma bandeja sem furinhos nas extremidades) não tinha. Bom, vamos então por mãos à obra?DIY Do It Yourself organizador de colares, guardar colares, organizar jóias e bijuterias,, porta jóia,, organizar colares e acessórios, porta anel anéis, porta pulseira, guardar pulseiras. faça você mesmo, tutorial

Você vai precisar de:

  • Uma bandeja de MDF como esta (se você encontrar sem os furinhos melhor ainda!)
  • Pincel médio
  • Pincel fino e pequeno
  • Rolinho
  • Tinta acrílica (usei a fosca)
  • Base acrílica
  • Papel de Scrapbook
  • Potinhos em MDF (quantos couberem na sua bandeja)
  • Ganchinhos de metal (vende em loja de material para reforma)
  • Renda e adesivos para decorar
  • Vidro líquido
  • Verniz
  • Ah e um pratinho para cada a tinta e um pouco de jornal para forrar sua mesa de arte.

Leia mais

Como está meu quarto nessa nova fase? E dicas de decoração.
Carta de Hogwarts DIY – Como Envelhecer Papel
DIY – Biscoito “eat me” e “drink me” Alice no País das Maravilhas
Conto Textos

Mirando-se no espelho.

27.11.16
Mirando-se no espelho conto de Samira Oliveira

De verdade, quem sou eu? Fixamente olhos mirando o espelho, puxo os cabelos para trás afim de prendê-los num rabo de cavalo. Assim fica claro a raiz escura nos fios vermelhos. Assim é possível também perceber meus olhos verdes se destacando na pele clara. Quem sou eu? A pessoa que saiu de sua cidade, que tinha um fio de esperança de conseguir alçar voo – e conseguiu? Quem sou eu? O ser que escreve, o ser que pensa e que reflete. Que ama e que deseja. Que sempre muda. Aquela que colocou um piercing na orelha, que gosta de ouvir a chuva, que escreveu um livro, que estuda o que ama e descobriu nisso uma vocação? Aquela que tinha muitos planos e anseios; que tinha promessas nunca feitas e sonhos de estrada. A pessoa que eu sou, que eu era, que eu serei.

A menina do espelho fixa seus olhos em mim.

– Quem você é? 

Não sei, como eu haveria de responder ao reflexo límpido de olhos que sonham? Para você, menina, sou seu futuro que você nem sonha – mas deseja ardentemente. Como mais posso explicar a um passado que eu sou a representação de coisas que você sequer entende? Como posso explicar que há mais do que angustias por não se encaixar, mais do que amores infantis, mais do que brincadeiras vagas. Mais do que você conhece?

Mais perto de mim, olhos mais velhos – de talvez um ano atrás, indagam:

–  Você é quem?

Como tais olhos podem ser tão ingênuos e fracos? Como pode se a diferença entre nós é de alguns meses? Resolvo não responder e os olhos somem pouco a pouco dando lugar à um borrão no espelho.

–  Ai está você, estive te procurando o dia todo!

– Eu te conheço? – pergunto aflita. O borrão não me é familiar.

O borrão abre uma boca incerta para argumentar.

– Não me lembro de ser tão convencida dessa forma, nem de ter essa força. Não me lembro de ter essa mente madura, para mim parece algo que está sempre em construção, como se minha mente sempre estivesse um passo atrás do que ela realmente pode ser.

Um arrepio me percorre o braço esquerdo. Acho que sei de quem se trata. Alguém que não conheço, ela eu nunca vi. Porque nunca fui.

Frente ao meu silêncio ela continua:

– Vi a menina também e vi os olhos ingênuos, agora vejo essa confiança. Só Deus sabe qual próxima eu verei. Será que quero vislumbrar o futuro como você? Será que sempre quis adivinhar quem eu me tornaria? Me responda você! Eu não tenho mais nenhuma pergunta a não ser esta: você está contente com o que é agora?

Sua voz me deixa insegura, tenho a impressão que essa pergunta é a decisão a se tomar entre um pedregulho e uma safira. Ela fala de coisas que eu não compreendo, ela tem uma certeza e uma coragem que eu desconheço. Ela tem uma elegância que nunca eu soube possuir – e que talvez não possua.

– Sim, eu me orgulho muito do que sou hoje, tenho medo do que fui e confio no que serei.

Ela deu um meio sorriso bárbaro e me respondeu:

-Quem te disse que será algo? Sou um borrão, desta vida eu não existo mais.

Permita-me eu apresentar novamente, e me veja como mulher, não como uma irmã.
A melancolia dos dias úmidos e seus recomeços
10 Melhores Poemas Eróticos – para curtir sozinha ou acompanhada.
Outros Pessoal

18 coisas que você precisa saber antes de Morar Sozinho

23.11.16

18 coisas que você precisa saber antes de ir morar sozinho, estudante, república, USP, FFLCH, morando sozinha, morar fora, morar sozinha, viajem, pessoal, viagem, vida

Quando saí de Piracicaba e vim para São Paulo eu já sabia que muitas coisas seriam diferentes. Que a minha vida seria repleta de “aventuras” que eu desconhecia – mas nunca imaginei que seria tão difícil morar sozinha.

  • Você vai sentir saudade de casa

Parece uma coisa até meio óbvia para se afirmar visto que você estará longe das pessoas que amam e que conviveu sempre junto até agora. Porém não falo da saudade da comida da vó, do choro do irmão (ou priminhos), das conversas com a tia ou dos latidos do seu cachorro. Falo de uma coisa mais profunda, aquele incômodo que fica no peito quando você está nervoso e só precisaria de um abraço da sua vó pra te acalmar. Ou quando você está profundamente angustiado e gostaria apenas que seu cachorro estivesse junto – ele entenderia, ele iria te olhar nos olhos e ia fazer tudo ficar bem com algumas lambidas. Ou quando você se sente em perigo e pensa na hora que a sua família nunca deixaria você sentir medo. Que você está á mercê do mundo sem ninguém para te proteger. Porém essa saudade não vai doer pra sempre, na verdade ela será ótima! Ela vai te fazer perceber o quanto a sua família é importante para a sua caminhada. Ela vai te fazer querer mais conversas, mais abraços e carinhos, mais passeios aleatórios, mais risadas, mais amor, mais família.

  • 2º Diga adeus às suas mordomias de antes

Sabe aquela tranquilidade de quando você está na escola, bate o sinal e você sabe que seu pai está lá para te buscar e te levar pra casa? Sabe o sossego em nem saber que horas começa sua aula de inglês pois tem alguém que te deixará na aula 15 minutos antes para que você tenha tempo de revisar algum conteúdo importante que você nem mesmo lembrava? E o que dizer quando você chega tranquilo no vestibular, com mais de 1 hora de antecedência e com tempo para se preparar e descansar? Bem, diga adeus à essas mordomias. Se você não tem carro como eu, vai aprender que o ônibus (busão para os íntimos) é seu mais fiel amigo – você vai ter que acordar horas antes da aula, levantar, se arrumar, arrumar seu café, seu lanche, checar cartão de ônibus, circular, banco, plano de saúde, RG, CPF, dinheiro e o que mais houver, antes mesmo de cogitar por os pés para fora de casa. Além disso, o ônibus pode atrasar, então se você acordar tarde e correr pro ônibus, lamento, mas você já perdeu parte da sua importante aula. Outro amigo que conheci recentemente se chama relógio, sim! Eu não era amiga dele, eu esquecia da existência dele, eu nem sabia direito os horários das minhas aulas da escola. Mas agora, bom, agora eu tenho ele como um amor inseparável – e para eu não ficar louca com os horários, tenho planilhas de horários, exatamente porquê eu sou fácil de perder hora. E se você tem carro, tem a mordomia de não andar de pé dois no frio cortante ou no sol de matar – mas, terá que lembrar dos seus horários, ou seja, lhe apresento á RESPONSABILIDADE.

  • 3º Sua relação com o dinheiro vai mudar – e muito!

Antigamente se eu queria algo eu pedia à minha avó, e, se tivéssemos coisas mais importantes para comprar do que o que eu queria: paciência, vida que segue. Pior que eu não entendia direito isso, pois, bom, eu queria algo e tínhamos a quantia para a coisa, então porque não comprar? Aí é que está, hoje, eu fico esperando ansiosa pelo dia 26 (yes! Money!) e pelo dia 5 (adeus! Money) ou seja, o dia de pagar o apartamento. Porém, o dia 5 é tão feliz porquê eu vou poder finalmente saber se eu vou curtir a vida adoidado com meus ricos 2 centavos ou se vou poder curtir a vida adoidado com um pouquinho mais – e quem sabe comprar mais um cacto pra minha coleção. Aplicativo do banco é algo essencial na minha vida – me sinto uma adulta pensando nisso agora. E o internet banking então? Caiu do céu! Com essas novas tecnologias (nossa parece que tenho mil anos kkk) é muito fácil pagar as contas, fazer transferências, consultar seu saldo (só dá vontade de morrer quando ele está negativo mas tudo bem, a gente supera), mas principalmente ele é importante para você ver quanto dinheiro ainda tem e fazer uns cálculos doidos a respeito de comprar ou não tal coisa – você acaba fazendo trocas e negociações consigo mesmo, por exemplo: se eu comprar um vasinho de bichinho esse mês não vou ter dinheiro para o xérox; o que é mais importante? Vasinho ou xérox? Bom, então compro xérox esse mês e vasinho de planta mês que vem, fechou? Fechou! Então belê.

Leia mais

A melancolia dos dias úmidos e seus recomeços
O Cotidiano da Mulher Segura – ou “jantares sozinha” – ou “o final cíclico de um amor” – ou “a mulher que eu quero ser”
Como organizar o material escolar para o segundo semestre
Em voga

Possíveis abordagens ao tema “Intolerância Religiosa” no Enem 2016

09.11.16
Possíveis abordagens ao tema do Enem 2016 Intolerância Religiosa bolsonaro, ana paula valadão, catequização dos índios, cristianismo, matriz africana, umbanda candomblé, rezam fé, crer

Assim que foi liberado o tema da redação do Enem 2016 e eu fiquei sabendo sobre ele pelo Facebook, já fiquei muito feliz com a escolha. Na verdade a primeira coisa que me lembrei, e que acho de suma importância ser discutido – e portanto esse tema voltar à tona e ser repensado por milhares de estudantes é tão importante – diz respeito à intolerância com religiões de matriz africana. Eu andei pesquisando um pouco mais sobre o assunto e vou deixar esse link aqui  para você saber mais sobre as cerimônias africanas e toda a história de como cada uma se originou.

Atraso social ou mau uso da religião?

Bem, desde que entrei na Letras percebi – antes de mais nada – um esforço descomunal conjunto em negar qualquer religião que supostamente alguém siga. Subitamente parece que todo mundo vira ateu ou agnóstico, parece que os que seguem alguma religião tem que falar meio que disfarçadamente, e quando perguntado se você crê em algo é esperado um veementemente não, ou , no máximo um mero sussurro sobre o que você crê. Isso nos abre porta sobre esse pensamento que nos permeia – o de que; acreditar em uma força sobrenatural, seguir uma religião, ir à cultos, missas ou qualquer cerimônia religiosa – o torna quase um ignorante. E porque tantas afirmações desse tipo? Seria apenas pelo desenvolvimento das crendices, que passou daquele pensamento natural de “deus trovão”,por exemplo, para os deuses personificados no ser humano (como os gregos) e depois algo mais próximo do que temos hoje? Seria esse percurso das crenças que faz com que as religiões que temos hoje sejam tão desprezadas? Seria mesmo o dom de acreditar em algo transcendente a nós, algo atrasado? Foi ai que comecei a refletir, e meus colegas da Letras foram essenciais para isso. Hoje em dia se reclama tanto das religiões por motivações como a existência da bancada evangélica. Se fala tão mal dos religiosos por se generalizar que todo religioso vai querer influenciar a vida de toda uma sociedade, sendo que, em tese e na real moral isso não deveria ser assim. Uma coisa é política, outra coisa bem diferente é religião, e estas NÃO se misturam! Mas não é isso o que vemos hoje; vemos o aborto sendo vetado com desculpas religiosas, e ideias tão absurdas quanto quase ingênuas de “bolsa estupro” advindas da bancada evangélica, ou então o infinito discurso sobre casamento gay e a o peremptório “não” desses grupos (como se eles tivessem o poder de decidir, bom pelo menos não em teoria) Então, o que realmente mancha a visão ante todas as crenças? Fica implícito neste parágrafo. Ah e por favor, não confunda, não estou colocando a culpa nos evangélicos ou católicos, mas na vontade de alguns representantes em misturarem religião e política. Recentemente li algo que o Padre Fábio de Melo escreveu e que cai certinho no que eu quero dizer, para ler a matéria e os tweets clique aqui  vou transcrever uma parte importante do que ele disse: “A união civil entre pessoas do mesmo sexo não é uma questão religiosa. Portanto, cabe ao Estado decidir. Aos religiosos reserva-se o direito de estabelecerem suas regras e ensiná-las aos seus fiéis. E isto o Estado também garante. As igrejas não podem, por respeito ao direito de cidadania, privar as pessoas que não optaram por uma pertença religiosa, de regularizarem suas necessidades civis. Se duas pessoas estabeleceram uma parceria, e querem proteger seus direitos , o Estado precisa dar o suporte legal. São situações que não nos competem. A questão só nos tocaria se viessem nos pedir o reconhecimento religioso e sacramental da união.” Em suma, as religiões como um todo estão sendo frequentemente atacadas por essa influência medieval que eles querem impor. O dia em que todos eles pensarem e agirem como esse padre, quem sabe não pode começar a reverter essa história?

A Igreja Católica através dos séculos e hoje.

Conheço uma pessoa que infelizmente se mostra extremamente intolerante perante o cristianismo. Ela afirma ter lido a Bíblia e estudado-a inteira, mas bom, acho que mesmo assim não conseguiu entender nada. Essa pessoa, praticamente toda semana encontra uma forma de ofender o cristianismo. Seja por xingamentos, deboches, histórias más contadas e diversos absurdos falados. Uma coisa que me incomoda muito além de todo esse desrespeito e intolerância foi uma frase: “acho um absurdo ver mulher e negro na igreja, pensar tudo o que a Igreja fez para eles”. Bom, vamos com calma, se fosse assim ninguém ia ser amigo de alemão porquê “ai, os parentes antigos deles foram nazistas assassinos, viveram nesse país” ou ninguém ia aceitar em ser descendente de português porquê eles tomaram o país dos índios. Se for ficar vendo o passado, todo campo social tem uma mancha na história, se fosse assim, ninguém mais leria Moby Dick pelo horror com que os baleeiros tratavam os animais. E às vezes, por outro lado, eu penso que o mundo e a sociedade estão progredindo e muito! E quanto mais tentarmos fazer isso progredir melhor vai ser. Então o problema não é ter religião, é querer impor ela pra todos – o que é um absurdo. E também isso de sempre tocar na mesma tecla de que a Igreja fez coisas de que não se orgulha, ótimo, todos sabemos disso, assim como a Inglaterra fez bobagem e ninguém deixa de ir para o país, assim também o catolicismo, ninguém vai sair dele pelos erros do passado. Pelo menos os erros não se repetem e estão cada vez mais diminuindo ideias conservadoras e fechadas – exemplo disso é o Papa Francisco que chegou até a dizer que todos nós devemos desculpas aos gays e que ele não tolerará discriminações contra eles (pensem no avanço que isso é e em como pode avançar cada vez mais!)

Leia mais

A melancolia dos dias úmidos e seus recomeços
Como aceitar seu corpo? Venci autoestima baixa, transtorno de imagem e bulimia
Como fazer a menstruação atrasada descer rápido.
Outros

Wishilist de aniversário e Natal

06.11.16

Como vocês bem sabem, o aniversário dessa pessoinha que vos fala é este mês! E eu fico MUITO empolgada pro meu aniversário, muito mesmo! Eu amo o mês de novembro exatamente por isso, só de pensar que vou passar um dia com todos meus amigos e familiares reunidos eu já fico super contente – nível pulando de alegria. Outra coisa que me deixa super animada é a expectativa de ganhar presentes. Eu tenho que confessar, amo ganhar presentes – na minha família é bem comum a gente se presentear e isso é uma coisa muito importante pra nós. Só de pensar que a pessoa passou um tempo escolhendo o que te dar, o que mais combina com você, o que você iria gostar dá aquela aquecidinha no coração – aquela sensação de “poxa, ela realmente ficou pensando em mim”. Por isso e porquê nunca fiz uma Wishlist antes eu resolvi fazer duas, uma de aniversário e outra de Natal- hehehe privilégios de fazer aniversário perto do final do ano. Mas isso não significa que tem uma ordem no que quero antes ou depois não, foi só pra deixar organizadinho. Bom, sem mais delongas bora ver meus escolhidos?

1
  • 1 Charm Flor Orquídea da Pandora por R$215,00
  • Charm Estrela do Mar da Pandora – Não encontrei o preço pois esgotou no site mas acho que era uns R$215 quando vi na loja física (que graças a Deus ainda tem). É o charm que eu mais quero na vida!♥
  • Charm Cinderella’s Pumpkin Coach da Pandora por $95.00 – eu tô querendo comprar esse charm faz muito tempo, mas vejo o preço e desisto, pelo menos fica registrado em algum lugar – assim eu compro quando tiver coragem rs
  • Charm Poesia das Flores da Pandora por R$ 265,00
  • The Glam Clam Mermaid Dreams da Spectrum por £59.99  – sim, eles enviam para o Brasil! Mas sim, está em falta por enquanto (snif snif), será que até o Natal chega? Ah e sim, esse item tá na lista só pra a gente sonhar mesmo, olhem esse preço que triste!
  • Anel de pizza da Arte Vira Lata por R$ 20,00 – só falta os temperinhos verdes na pizza hehehe
  • Colar de câmera azul Instax da Arte Vira Lata por R$ 30,00 
  • Funko Pop Chapeleiro Maluco da Reino dos Geeks por R$ 109,90
  • Câmera Nikon d 5200 ou qualquer outra super boa, pra eu finalmente gravar vídeos pro YouTube e melhorar minhas fotos (yey!)
  • 10 The Complete Tales and Poems of Edgar Allan Poe da Barnes and Noble por $18.00 – e entrega no Brasil! (eu ouvi um amém?!)
  • 11 Grimm’s Complete Fairy Tales da Barnes and Noble por $18.00 
  • 12 Alice’s Adventures in Wonderland and Other Stories da Barnes and Noble por $18.00
  • 13 Chochet de Cacto com bracinho e olhinhos da Hey LadyBug por R$ 30,00  (a última vez que vi estava este preço, acho que no momento está esgotado, tomara que chegue logo!)
  • 14 Harry Potter Collectible Quidditch na Saraiva Online por R$104,40
3-1

E ai mozãos? Gostaram dos meus escolhidos? Na verdade sei que boa parte desses eu não vou ganhar de jeito nenhum – mas fica pelo menos registrado e organizado (ai meu ascendente em virgem) para eu comprar assim que puder. Estou muito louca para encher minhas pulseiras então sim, foram muitos charms e pingentes (torçam para que eu consiga rs). Algumas coisas como os pincéis da Spectrum são humanamente impossíveis pelo preço, mas pelo menos fica a lembrança desse conjunto lindo pra maquiagem. Outras coisas como a câmera (e um notebook novo) são MUITO necessários mas acho que não vai rolar esse ano também hehe. Enfim, é isso ai, quais items mais gostaram da lista? Eu estou tão animada, tomara que dia 14 chegue rápido – ou não, pra eu poder aproveitar essa emoçãozinha mais um pouco. ♥

Como organizar o material escolar para o segundo semestre
Tendências de Moda e Beleza para Primavera Verão 2018
T- shirts Femininas Estampadas com Bichinhos Fofos! – Cereja Pink
Página 26 de 32
«1 ...222324252627282930... 32››