Fotografia

Photoshoot Valente – Merida

25.09.16
Mas chega um dia em que eu não preciso ser uma princesa, sem regras, sem expectativas. Um dia onde tudo pode acontecer. Um dia em que eu posso mudar o meu destino.
Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira

Dizem que nosso destino está ligado a nossa terra, que ela é parte de nós assim como nós somos dela. Outros dizem que o destino é costurado como um tecido, onde a vida de um determina a de muitos outros. É a única coisa que buscamos, ou que lutamos para mudar, alguns nunca encontram o destino, mas outros são levados a ele.

A princesa Merida está entre as princesas que eu mais gosto, principalmente nessa minha nova fase de iluminação do pensamento. Gosto dela pela coragem em ir contra o que lhe era imposto – contra o que a tradição determinava. Pela conexão tão bonita entre ela e mãe – e não como nos outros filmes de princesas em que o foco era no príncipe encantado. E principalmente, me apaixono mais ainda pela história, por retratar alguém tão forte e determinada, tão autossuficiente e empoderada e que não se deixa influenciar pelos outros. Sobretudo pela coragem em lutar pelo que acredita, eu me vejo na Valente – e não teria melhor princesa que representasse tão bem em quem o destino me transformou.

As fotos foram feitas pelo fotógrafo Bruno Rossener (Instagram) no Parque da Água Branca, em São Paulo. Na verdade eu nunca havia feito um ensaio fotográfico assim – muito menos temático. Por isso eu confesso que estava meio tensa – o que quase não dá pra perceber pela quantidade de gargalhadas por minuto que eu dou – mas o Bruno é um ser humano tão incrível que deixou tudo fácil e divertido. Ele é muito fofo e simpático, do tipo que a gente se sente confortável e quer ficar conversando e tirando fotos o dia todo! A única parte difícil foi fazer cara de tédio, com o Bruno e meu amigo-assistente-segurador de bolsas-Gabriel, tornavam isso meio complicado hahaha. Esse ensaio foi um presente adiantado de aniversário, onde eu pude me ver e gostar do que eu via; onde eu não precisei julgar a mim mesma, onde eu pude me redescobrir e ser quem eu quero ser.

As coisas que mais gostei em fazer esse ensaio com o Bruno é o modo que ele trabalha com as luzes nas fotos e o jeito mágico dele em fazer a gente se sentir leve, espontânea, confortável e principalmente: conseguir captar aquele ângulo certo, aquela essência, aquela personalidade que é própria de cada um. Ele consegue registrar aquilo que você é, sem barreiras ou máscaras, ele nos mostra o que verdadeiramente somos. Esse ensaio foi muito importante para mim, por me aproximar da Merida – uma personagem que eu gosto tanto – e por imprimir nas fotos tudo o que eu sou e a mulher em que eu me tornei. Além disso, esse ensaio surgiu na hora certa, no momento em que eu mais precisava voltar a me achar bonita – as fotos me fizeram ter uma imagem diferente de mim e a perceber coisas que eu não gostava em mim e que agora gosto, a ressaltar mais ainda o modo como eu me vejo. Pude experimentar a sensação de me amar, e amar cada “defeito” meu, pois eles fazem parte do que eu sou.

O vestido ficou por conta da Thaís Fantasias de Piracicaba. A Fernanda é um amorzinho e abraçou essa ideia adorando tudo! As peças deles são muito bem trabalhadas e lindas. Faz bastante tempo que conheço a loja e sempre que preciso alugo as peças deles. Porém, como não tinha meu tamanho no vestido da Merida, nós ficamos com o da Fiona e minha avó e minha vizinha fizeram alguns pequenos ajustes – acrescentando detalhes costurados à mão, para que o vestido ficasse mais a cara da Valente. Elas também fizeram o cinto e o bolsinho para as flechas. O arco foi feito pelo meu namorado Eduardo e meu sogro; eles usaram cano de PVC (tutorial) (tutorial) e depois eu finalizei pintando com tinta spray (pintando o banheiro também, desculpa Jacque). As flechas foram de palito de churrasco – para a grandona eu juntei duas e minha vó colou fazendo um detalhe no meio.

Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira

Sobre o dia:

O dia anterior tinha chovido e o anterior a ele também – sim, eu estava super preocupada de que não conseguíssemos fazer nesse dia, pois fizemos todos os acessórios no final de semana (até umas 4 da manhã) e eu iria entregar o vestido na Thaís naquela mesma semana. Mas, graças ao destino, abriu um sol enorme. Então começou a diversão, fui até a USP de Uber – eu tenho certeza de que se andasse com o arco na rua iriam me achar doida, se bem que, pelo menos eu estaria protegida né hahaha. E de lá eu e Gab fomos até o parque. O lugar é lindo, tem muitas árvores e umas construções que parecem bem antigas – achei bem interessante encontrar umas popós com seus pintinhos e até patos andando pelo parque todo. Bom, estava tudo muito bem obrigada, até que um guarda perguntou se tínhamos autorização para as fotos – hãn? Precisa de autorização nesse parque? Bom, ai tivemos que perder um senhor tempo – nesse momento estava fácil fazer cara de tédio e de brava– até que assinei uma autorização (quase sem conseguir pois a manezona estava sem o cpf) mas então, a recompensa: pocotós!

Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira

Pensem numa pessoa feliz, essa fui eu quando vi os cavalinhos brincando no areião. Um deles – um preto como o Angus, o cavalo da Merida – deixou os outros pocotós brincando e veio até mim, e é claro que eu fiquei super apaixonada! Só não pedimos para tirar fotos mais perto deles pois a moça da autorização parecia muito brava, mas fiquei bem contente com o resultado deles ao fundo.

Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira

 

Uma coisa interessante em tirar fotos são as pessoas que ficam observando. Todos que passavam olhavam, davam um sorriso, ou apenas ficavam olhando. Quando fui me vestir de Samira novamente, umas menininhas na porta do banheiro deram uns sorrisos pra mim como se eu fosse a Merida em pessoa – e isso me deixou muito contente, quem sabe elas não viram algo de valente em mim?

Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira

Outra coisa legal são as caras que eu fiz. Algumas eu jurava que estavam lindas mas no fim eu estava com cara de sono. Já outras, que eu nem estava me importando muito em fazer carão, saíram super lindas! Bom, acho que tenho algum problema com as minhas caras kkkk – pelo menos não sai com cara de bolacha em todas.

Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Brave Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira

 

Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira

Essa foto deferia ir para o meu perfil do Facebook com a legenda – aulas de literários. Sim, semestre passado eu fazia essa cara em toda aula hehe.

Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira Photoshoot ensaio fotográfico Valente Merida Disney fotografia por Bruno Rossener. modelo Samira Oliveira

 

Se você gostou desse ensaio e também quer experimentar a um pouquinho de magia, entre em contato com o Bruno, tenho certeza absoluta que você vai se apaixonar pelas suas fotos como eu me apaixonei pelas minhas. E quem fechar com ele por meio do blog Dezoito em Ponto ganha um desconto especial – então corre mozão! Vocês vão conversar, expor suas ideias, ele vai trabalhar nelas com muito carinho – ele até assistiu Valente de novo para se inspirar antes do ensaio – e então vocês marcam uma datam para as fotinhas e, quando ficarem prontas, ele as entrega editadas e lindas em alta qualidade para você sair postando por ai nas suas redes sociais. ♥

Bruno Rossener, contatos:

Mais uma vez meu muito obrigada à  Thais Fantasias, pela confiança no meu trabalho e por cederem esse vestido lindo para que as fotos ficassem dignas de um conto de fadas!

Thais Fantasias, contatos:

Obrigada àos mozãos: Vóvis poderosa, Creusa, Eduardo e sogrãos lindos; vocês fizeram milagres em menos de um dia! E para não perder nada do que ando aprontado, me siga no Insta e no quase falccido snap: samira_omg

 

A Nova Eva e a conspiração de Lilith – Ensaio Fotográfico
Como fotografar unhas para o Instagram – 8 dicas valiosas para ter JÁ fotos MAGNÍFICAS
Ensaio Fotográfico Vintage em Lavanderia
Culinária Outros

Receita Secreta: CHUCHU MARAVILHOSO!

06.09.16
Receita refogado de chuchu delicioso maravilhoso blog dezoito em ponto

Hoje vos trago a primeira receita e o primeiro prato que aprendi a fazer/ que fui fazendo por intuição e ficou muito bom. É um refogado de… CHUCHU! Isso mesmo, aquele legume que mais parece água e que não tem gosto e nem graça nenhuma transformado em um prato saboroso e muito fácil de fazer – destinado pra quando bate aquela fominha noturna.

Você vai precisa de:

  • 1 ou 2 chuchu – dependendo do nível da sua fome.
  • 1 tablete de caldo de galinha – ou se preferir deixar mais natureba pode ficar só no alho e na cebola mesmo.
  • Azeite
  • Alho
  • Cebola
  • Queijo Polenghi ultrafiltrado ou polenquinho normal ou pode fazer sem o queijo que fica muito bom também ou com frango – mas ai é outra história e eu não vou ensinar porque já tenho o frango pronto na maioria das vezes hehehe.
  • Pimenta do reino ou molho de pimenta – já fiz com os dois :)
2016-08-14-19-40-31

Primeiro você precisa tirar a casca do chuchu e cozinhar ele na água quente por um tempo (coloque um pouquinho de sal junto). Essa parte quem faz é a minha linda avó, que depois corta ele em quadradinhos e manda pra mim, ai eu só preciso cortar em quadradinhos menores e fazer ♥ Então você por favor, use uma tábua de carne/ legumes para cortar – eu uso essa de vidro que aparece nas fotos, é linda e super durável. Caso contrário eu não me responsabilizo por acidentes de percurso ein – como cortar o dedo ou algo assim.

receita chuchu dos sonhos com queijo refogadoDepois refogue o alho e a cebola no azeite, cuidado para não deixar queimar – uma vez eu meio que esqueci a panela no fogo e queimou tudo as cebolas que eu havia picado, fiquei sem coragem de fazer de novo em comi uma manga hehehe. Talvez precise de um pinguinho de água para não queimar eu acho ai você coloca a pimenta e os chuchus e meche por um tempo até todos estarem mais derretidos (mais macios) e coloque os pedacinhos de queijo – se quiser!

Ai pronto, é só reservar e fazer o mais importante: lavar a louça! Nada de deixar a louça pro amiguinho lavar – embora ás vezes você pode ser tão harmônico com seu amiguinho que um lava a bagunça do outro, como eu e a Jacque! ♥ Mas se você mora numa república, lave o quanto antes possível – e limpe o fogão também, por favor. Se você é solteirx também, fais esse favô a ocê mesmo e lava tudo, belê? E se for inventar de fazer na casa da mamãe, não me vá inventar desculpinha de que “eu estava cozinhando!” e lava e guarda tudo no final, tá bem?chuchu receita queijo no prato

Essa receitinha é de um restaurante perto de casa que eu e vó costumamos comer de domingo, se chama Divino, e tem um chuchu divino! Quando tinha eu almoçava só chuchu com frango grelhado, era meu prato preferido de lá! A cozinheira disse que o segredinho era a pimenta do reino e o caldo de galinha, mas sabem? Nunca consegui fazer um igual! Porém ele fica muito gostoso e diferente :D Ah e cuidado para não comer tanto chuchu assim que faz a pressão cair e bom, é perigoso ;)

polenghi receita chuchu refogado com queijo receita Samira blog dezoito em ponto 2016-08-14-19-43-30

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mozãos, agora vocês já sabem meu maior segredo culinário – e sabem o que eu mais gosto de cozinhar e que – por enquanto – o meu “aprontar na cozinha” para aqui hahaha. Se você gostou desse post e quer ver mais deles por aqui, me avise nos comentários, assim eu trago mais coisinhas gostosas. O que vai me obrigar a saber cozinhar mais do que chuchu e ovo, ou não né hahah vida de universitário é complexa. E para não perder nadica de nada me acompanhe nas redes sociais (Insta, Face, Snap: samira_omg) e dê seu likezin aí em baixo ;)

Vestido artesanal de gatinhos | Compre de Quem Faz
Como organizar o material escolar para o segundo semestre
Tendências de Moda e Beleza para Primavera Verão 2018
Pessoal Textos

Quando o adeus é o melhor do “Era uma vez”

29.08.16
QUANDO O ADEUS É O MELHOR DO -ERA UMA VEZ texto autora escritora Samira Oliveira

Hoje o dia todo percebi que não te disse coisas que eu deveria ter dito. Não disse. Bom, talvez tenha dito – usando outras palavras, ou talvez falando entre os dentes, mas disse. Simplesmente porquê, você sabe, eu não consigo não falar o que sinto, não me manifestar. Não posso ficar com a palavra entalada na garganta. E é por isso, e pelo bem de nós dois que eu preciso finalmente me despedir.

Finalmente eu não estou chorando – o que é um milagre, visto que desde que você chegou e me ensinou a chorar eu não parei mais – derramando águas por todas as minhas forte emoções, seja de uma batida no dedinho do pé até o casamento dos meus professores. Não estou chorando, porquê demorei muito para chegar a este consenso entre os meus sentimentos mistos por você – hey, não se assuste, não é o que está pensando.

Hoje mesmo um amigo me disse que temos que fazer com que o infinito caiba no tempo limitado que você tem ao lado de quem ama. Porque se Deus te permitiu que encontrasse aquela pessoa e que você ficasse com ela por aquele determinado período de tempo, poxa, você é um homem de sorte. Se conseguiu encontrar o amor – entre tantas pessoas – e passar um tempo ao lado dele é porque esse tempo deve – Precisa – ser, valorizado. Precisa fazer caber todo um infinito de amor e de sentimentos naquele pequeno tempo limitado. Precisa fazer com que todos o filmes assistidos agarradinhos no sofá – com os pés frios enrolados nas pernas do outro – valham a pena. Tem que fazer com que aquele giro inesperado no meio de alguma loja do Shopping – com um monte de gente olhando feio ou rindo – valha a pena. Fazer com que todo o tempo que gastaram decorando o nome de cada parente distante, guardando a localização exata de cada pintinha no braço do outro, de cada caracol do cabelo, de cada marca de perfume que outro usa – tenha valido a pena. Temos que fazer isso tudo valer a pena. Afinal, essa deveria ser a maior lei de todo relacionamento: vamos fazer valer. Se não for para fazer valer então nem comecem; se não for para chorar sem motivo à noite – imaginando como seria sua vida se Deus o pedisse de volta – então não fique. Se não for para me escrever cartinhas dizendo o quanto você mudou e agora até canta no chuveiro porquê eu trouxe luz à sua vida – então não fique. Se não for para parar a sua vida, e adiar o seu mundo – então…não fique…Não! Não adie o seu mundo por mim! É por esse meu pensamento egoísta que eu tenho medo de nós dois. Tenho medo porquê minhas asas são enormes e as suas são para voar rente ao chão. Tenho medo porque você é fiel com cada célula do seu corpo – e eu não tenho a mesma certeza sobre mim. Você quer a segurança – eu quero o pulo de asa delta. Você quer morar numa mansão – eu quero nós dois fazendo brigadeiro e jogando bola pros nossos cachorros numa casinha de madeira. Você quer o mundo – eu só quero você. Eu sou do mundo, eu tenho mundo – mas eu não tenho você. Eu quero me entregar – você tem medo. Eu te conto até sobre as minhas dúvidas existências, eu abro meu coração, eu desnivelo o que sou, desenrolo meus pensamento, abro e estendo a você cada milímetro da minha essência – porque cada ato meu é um resumo de tudo que eu já passei e vivi – mas você se fecha e não me deixa sequer bater. E nesse jogo todo você não me deixa atingir a sua essência. Você não me mostra o que você é.

Por essa razão eu digo: chega. Sabe quando a Linha Azul se encontra com a Verde nas Estações Ana Rosa e Paraíso? Foi aquele momento – aquele importante momento – em que elas se encontraram. Por isso, se me foi permitido que eu te encontrasse nessa momento, e que nossas linhas se cruzassem. Se nos foi permitido termos um ao outro até esse momento. Não podemos ter medo de dizer adeus. Talvez nossas linhas tenham outros pontos para cumprir, tenham outras vidas para transformar. Talvez, bem talvez você consiga dormir à noite pensando em outra – agarrado à foto de outra. E talvez, bem talvez, algum outro alguém consiga curar meus medos como você curou – e que você rasgará novamente se se for. Talvez alguém me ensine novamente como é ser forte, como é ser bela, como é me sentir linda. Talvez um outro alguém seque minhas lágrimas exatamente como você fez. Talvez outro alguém me abrace forte enquanto eu conto sobre o meu avô sob um céu estrelado. E talvez você finalmente encontre as palavras necessárias para escrever uma música para outra – palavras que você nunca encontrou para mim. Talvez um dia ela também te dê forças para continuar a sonhar – até mais do que eu. Talvez ela entenda o sorriso da sua mãe – mais do que eu. E seja até mais agradável para com o seu irmão. Talvez com ela seus pais digam como gostariam de tê-la em sua família – e ai eu sei , você vai sorrir (dar aquele sorriso que eu tanto amava) e dizer que esse dia está próximo, o dia que vocês serão uma só família. E eu? Eu serei apenas a linha que prosseguiu. Alguém que precisou partir porquê não foi forte o suficiente, porque não lutou o suficiente. Ou apenas porquê foi forte de mais – verdadeiro de mais. E as nossas linhas se encontraram exatamente naquele tempona intensidade daquele momentoque foram o bastante para transformarem a vida dos dois. Talvez, bem talvez um dia eu aprenda que eu também queria morar numa casa grande – e você também gostaria de móveis em madeira. Talvez a gente perceba que as nossas linhas eram para terem continuado – que apenas não seguiram juntas por causa de uma pedra no meio dos trilhos. Então quem sabe, suas asas terão crescido e você terá voltado para aquela cidade. E eu? Bom, você sabe onde eu moro! Afinal fui eu quem quis assim não é mesmo? E os caminhos que tanto deveriam ter se separado – terão finalmente encontrado o caminho de volta.

Precisamos apenas fazer com que o seu caminho e o meu se encontrem eté o fim do trilho Que não sejam talvez o mesmo –mas que sejam parecidos. Que os nossos caminhos possam – quem sabe um dia – se tornar o mesmo. Assim como os meus pensamentos – que se emarranham tanto que eu não sei mais onde começam os sentimentos sobre mim e os sentimentos sobre você . Como eu poderia algum dia sequer tentar separá-los sem arrancar metade da essência do que eu sou? Sem portanto, finalmente alegar um grande arrependimento? – justo eu que julgo que cada ação é um resumo do que sou! Precisamos fazer com que nunca nossas linhas sejam tão diferentes uma das outras para que seja necessário partir. Precisamos – da janelinha do trem – gritar com todo os ar dos nossos pulmões: Adeus! Adeus para que possamos recomeçar. Adeus para que não tenhamos medo do fim – do desconhecido. Para que possamos continuar seja em outra vida, seja em outro trem. Adeus para que sempre nos lembremos de que nossas linhas podem se reencontrar – seja nessa vida, seja em outra. Adeus porquê eu sei exatamente, que meus olhos só vão brilhar quando for você quem me levantar no colo. Adeus pois apenas eu sei o jeito exato de mexer nos seus cabelos – sei exatamente como te fazer se sentir único. Adeus pois o nosso fim chegará apenas quando Deus quiser. Adeus pois quero sempre recomeçar com você. Adeus porque eu não aguento mais chorar – eu não quero você longe mas eu quero que siga o seu caminho. Adeus pois a gente vai se reencontrar.

o trauma de sentir e o vício em fugir – sobre o medo de ficar | #TeLiPoesia
Permita-me eu apresentar novamente, e me veja como mulher, não como uma irmã.
A melancolia dos dias úmidos e seus recomeços
Outros

10 Blogs femininos que você PRECISA conhecer!

26.07.16
Banner Blog Inspira 10 melhores blog femininos!

Olá mozãos! Tudo bem com ocêis? Hoje resolvi juntar nesse post 10 blogs que amo e visito sempre e mais uns bônus do coração ♥ Eles são todos do grupo do Facebook Blogueiras – Inpiração e Interação (não conhece? Clica ai pra conhecer e fazer amizades incríveis!) ♥ Espero que gostem, visitem e espalhem amor também. Eu estou me preparando psicologicamente para voltar à Letras – USP hahaha (é o apelidinho dessa linda). Com essa volta, volta andar de busão, volta assistir aula de Literários, volta bandejão, volta trabalhos, volta tudo! Então chega de lenga lenga e vamos lá!

Esses blogs são bem únicos sabe? Sabe quando você pensa no título e já vem um identidade dele? Então, vou tentar passar para vocês a identidade deles (pelo menos o que eu apreendi de todas as visitas). ♥

Blog de Clara

Esse blog eu já cBlog de clara. 10 melhores blogs femininos Dezoito em Pontoonheço há muuuito tempo, bom, pelo menos desde que ele começou a ser o Blog de Clara. Assisti de pertinho mais gente conhecendo essa fofa que é a Clara e tudo que ela escreve. O que mais gosto do blog são os posts sobre Moda e os da categoria Sentir – textos lindos como o que vocês vem por aqui! Ele é azul e rosa (a cor preferida dela) e tem umas flores lindas, então sempre que penso nele penso em moda, flores, cor de rosa e comidinhas! Sim, ela ama nos maltratar com comidinhas e sorvetes maravilhosos! Ai ai ai…  Só digo uma coisa, vão querer comer a tela! E/ou ter as economias em dia para comprar todas as roupinhas lindas que ela indica. Ela também é adepta do Compro de Quem Faz (siimm, como eu!) e lógico que amo as indicações lindas dela. ♥

Instagram|Fan Page|Fashion Lista

Menina da Janela

Laura 10 blogs femininos incríveis Dezoito em Ponto

Essa moça linda e simpática que vocês estão vendo ama fotografia (e fez um vídeo lindo sobre isso). Ela faz umas receitinhas deliciosas e conta tudo lá no blog (outra que faz a gente querer lamber a tela hehe) O
s posts de viagens e de textos também são muito bons! Se não os convenci ainda, sigam ela para ver a gata maravilhosa que ela tem – ah e a voz também, por que mineiras são tão divas? Ah e não se esqueçam de visitar a categoria Música – não vão se arrepender!

Instagram|Fan Page|Canal no You Tube|Twitte

Like Old Times

Like Old Times 10 blog femininos incríveis dezoito em pontoPensa em flores, coisinhas vintage, decoração, lacinhos, cor de rosa, vestidinhos e porcelanas maravilhosas (foi por elas que conheci o blog da Barbara Graves). Por tudo que é mais sagrado: vocês precisam entrar no Instagram dessa menina. É tudo muito maravilhoso! Cada foto tem todo esse ar vintage e meigo (não vão se arrepender!) e ela é uma modelo linda pras fotos de look! Foi por ela também que fiquei conhecendo os vestidos apaixonantes da Antix (só de pensar em comprar todos já fali hahaha). Ah e vejam os vídeos muito amor do YouTube, vou deixar o link para vocês babarem como eu hehe.

Instagram|Fan Page|Canal no You Tube

Janela de Sorrisos

QuandoThais, 10 blogs femininos incríveis Dezoito em Ponto vejo o sorriso desse ser humaninho pelas redes sociais, consigo pensar em duas palavras chaves: inglês e geek. Se não me engano o primeiro post que li dela falava de Star Wars, Mário e essas coisas que o Eduardo gosta e – confesso – eu estou começando a gostar. A Thais ama inglês e sempre dá dicas de como melhorar no idioma. Também gosto das resenhas literárias, músicas e textos que amo! Ela é um amorzinho de pessoa, vocês vão amar esse cantinho lindo com passarinhos.♥

Instagram|Fan Page

Pequeno Mundo e Sarah

O que eu penso ssarah blog pequeno mundo de sarah dezoito em ponto blogs de sucesso melhores blogsempre que vejo essa fofura é: dinossauros (ela ama!), ilustrações (ela faz e eu babo – claro),

coisinhas fofas, coisinhas geek e camisetas personalizadas! Como assim Sá? Eu explico, ela pinta à mão camisetas com ilustrações exclusivas para você, é so encomendar e esperar esse mimo lindo! Ela também fala um pouco sobre o seu Casamento – que foi temático e eu quase desmaiei de amor. A Sá também ama coisas do japão como animes e aquelas coisas fofas do japão sabe? Tipo borrachinhas sorridentes e games e pokemón? Bom, se você ama tudo isso tá na hora de visitar o Pequeno Mundo da Sá!♥

Instagram|Fan Page|Google Plus

Menina Borboleta

Helena blog menina borboleta melhores blogs dezoito em ponto

Esse é um blog muito único. Eu sempre penso nisso quando leio algo nele, nunca vi algo assim na Blogosfera – bom, pelo menos não com todo esse conteúdo e amor. A Menina Borboleta é estudante de Biologia e ama borboleta e demais animaizinhos. Se vocês me conhecem bem sabem que eu tenho medo, pavor, horror, pânico, choradeira, desespero de Borboleta. Mas no fim de tanto ver posts dela sobre isso, por exemplo, ela ensina a socorrer uma borboleta, eu até fiquei mais calminha com esses pequenos seres e não sair correndo como eu faria. Ela também ensina a fazer um Herbário e unhas estileto (top ein?)  Ela tem um super ligação com a natureza e os animais (será que ela existe ou veio de Hogwarts?), adoro esse estilo meio wicca, meio feiticeira, e segundo ela, alternativo (leia-se: menina estilosa)

Instagram|Fan Page|Snap: meniborboleta

Sai da Minha Lente

clayci 10 blogs femininos que você precisa conhecer, blogs de sucesso Dezoito em Ponto sai da minha lente

Uma das coisas mais legais de entrar pra Blogosfera é poder finalmente, ter contato com quem você gosta. Uma dessas pessoinhas é a Clayci Oliveira (não, infelizmente não somos parentes hihi). Eu sempre fui apaixonada pelas fotos dela – o que são aquelas fotos dos Toys, meu Deus? Cada vez mais criativas e perfeitas – e as resenhas – sempre perfeitas! E se você gosta de Games (coisa que eu não entendo nada) respira fundo, ela entende tudo! Ela também é de São Paulo e sabe de eventos incríveis (preciso me atentar ás datas) como Comic Con e Brasil Game Show – já posso até ouvir Eduardo me chamando pra ir nesses eventos :) Depois de tudo ainda podemos babar na Mishu no Spark e no Splinter ♥

Instagram|Fan Page|Twitter

Dá um Zoom

blogs famosos melhores blogs dezoito em ponto blog dá um zoom.

Pensa num blog que
te ajuda com dúvidas sobre o futuro curso a escolher. Um blog que tem resenhas, viagens, arquitetura, decoração, vídeos (sim ela também é YouTuber!) e faz umas viagens imperdíveis! Esse é o blog da Sophia Cuñado. Ela também tem um mascote delicinha – um
gatinho (o Miau) muito fofo que dá as caras no Instagram hehe. Além de tudo ela ainda se aventura na cozinha – e mostra tudo pra a gente ficar com água na boca! Amo amo amo a categoria “Pra se inspirar” que fala sobre decoração – nada como uma opinião profissional pros nossos cantinhos né?

Instagram|Fan Page|Twitter

Gatita & Cia

Melhores blogs femininos dezoito em ponto gatita e cia

Pelo título ceis já perceberam né, nesse blog chovem gatinhos! Se você ama felinos corre lá já – bom, ou até você terminar de ler o post rsrs. Ela fala sobre artesanato (yess) em feltro, origami, papel… E sobre livros; romance, policial, suspense, quadrinhos… O que mais gosto são os posts sobre livros, como resenhas sabe? E ela e adepta do Wattpad (Ô menina abençoada) e até está lendo a história da Selene ♥ Eu chamaria esse blog fofo de gato-literário, porque gente, a parte de livros dele é incrível – sérião!

Fan Page|Google Plus|Twitter

No Mundo da Lua

aline callai blog no mundo da lua 10 blogs de sucesso dezoito em ponto

E para encerrar com chave de ouro, mais uma blogueira geek. Hoje tamo que tamo com esse tema ein? Espero que não esperem isso de mim pois meu gosto se resume a Herry Potter hahaha. Ela vive no mundo da lua como eu, então lá você pode ver dicas de séries e filmes, livros (amei?!), moda e muito mais! Para se encantar muito veja as fotos que acompanham as resenhas – são divinas! A categoria Papo de Amiga ganhou de mim o selo oficial de mozão! É um espaço onde ela fala coisas mais pessoais sabe? E acho isso essencial nos blogs! Viram que linda a Aline? Bora visitar o blog dessa diva!

Intagram|Fan Page|Google Plus|Twitter

 


 

Mozões, espero que tenham gostado dessa seleção de Blogs. Esses blogs são muito especiais pois eu amo eles! São muito bons mesmo. Espero que tenham gostado e que visitem os cantinhos dessa lindas!♥ E pra não perder nada do que eu ando aprontando por ai, me siga no Snap e no Instagram: samira_omg

Vestido artesanal de gatinhos | Compre de Quem Faz
Como organizar o material escolar para o segundo semestre
Tendências de Moda e Beleza para Primavera Verão 2018
Beauty Outros

Minha experiência com Piercing – Helix

20.07.16
Como cuidar do piercing Hélix. Cuidados, dói, body piercing. DEZOITOEMPONTO.COM

Faz um pouco mais de um mês que fiz os outros furos na orelha – inclusive o do piercing Helix. Entre alguns acertos e outras burradas aprendi muita coisa e achei muito oportuno ensinar a vocês como cuidar dos nossos lindos furinhos e contar um pouco como foi essa primeira experiência. Na orelha esquerda fiz o segundo e o terceiro furo – e o mais querido, o furo Helix na cartilagem. E na orelha direita fiz o segundo, o terceiro e o quarto furo. Esse último pegou um pedacinho da cartilagem mas a maior parte foi na área molinha mesmo.

Sobre a dor

Eu furei todos com aquela arminhasim até o da cartilagem – que pelo que a body piercing me disse depois, nem é mais permitido furar dessa forma, ou seja, todos devem ser furados com aquela agulha (levemente amendrotadora e por isso quis furar com a arminha mesmo – não façam isso tá? Furem com o body piercing).

O segundo furo não doeu quase nada. Mas como foi o primeiro que furei foi aquele susto né. Fui com o Eduardo, e enquanto o enfermeiro preparava e esterilizava as coisas eu olhava fixamente para a tomada e respirava fundo.

O lado esquerdo ficou muito bom, mas o direito ficou muito próximo ao brinco do primeiro furo. Para  segundo furo é importante ir furar já tendo um brinco no primeiro furo – um brinco que você use com frequência – para não correr o risco de que os furos fiquem muito próximos e um brinco encoste no outro. Então para o lado direito que ficou torto, tirei o brinco e esperei mais um mês que ele fechasse completamente.

Leia mais

Vestido artesanal de gatinhos | Compre de Quem Faz
Como organizar o material escolar para o segundo semestre
Roupas de Harry Potter| Blusa Vintage Edwiges e Vestido estampado com Patronos!
Página 29 de 32
«1 ...2526272829303132››